Noticias, Entrevistas, Informações, Opinião
Tudo sobre o mundo do vinho!

segunda-feira, setembro 16, 2013

USP classifica vinhos de acordo com os benefícios para a saúde

Foto: Jane Prado

O benefício que os vinhos podem proporcionar à saúde serviu de base para uma pesquisa realizada pela Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) da USP, que classificou os vinhos de acordo com sua funcionalidade. O modelo matemático desenvolvido para fazer a classificação poderá ser usado para a criação de um “selo de qualidade” para vinhos.

O objetivo do trabalho foi classificar vinhos tintos jovens sul-americanos de acordo com sua funcionalidade, ou seja, sua capacidade em proporcionar benefícios à saúde.

Os parâmetros analisados no estudo foram a capacidade antioxidante, o teor de compostos fenólicos, a cor e a composição individual das antocianinas, que são compostos fenólicos (flavonoides).

Foram avaliados 666 vinhos monovarietais produzidos com uvas Cabernet Sauvignon, Malbec, Carmenére, Tannat, Merlot e Syrah, do Chile, Argentina, Brasil e Uruguai, das safras 2009 e 2010, com preços até 50 dólares por garrafa; foram classificados em baixa, média e alta funcionalidade.

Os resultados apresentaram maior funcionalidade no Malbec e Tannat Argentinos com preço acima de 15 dólares e, em geral, maior atividade antioxidante nos vinhos com preço aproximado de até 30 a 40 dólares por garrafa. Acima desse valor não há mais acréscimo dessa propriedade. Essa classificação não foi alterada pela safra.

A criação deste selo de qualidade é um ganho para o consumidor de vinho, que busca no seu consumo diário benefícios à saúde, podendo escolher entre vinhos com maior ou menor funcionalidade.

Saúde!

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | hospedagem ilimitada gratis