Noticias, Entrevistas, Informações, Opinião
Tudo sobre o mundo do vinho!

segunda-feira, dezembro 16, 2013

Mais uma etapa do julgamento do Falsário Rudy Kurniawan. Produtores da Borgonha foram chamados. Ele pode pegar 40 anos de cana.






Foi na Quinta-feira passada que Rudy Kurniawan, de 37 anos, nascido na Indonésia, teve mais uma etapa do seu julgamento.
Ele foi considerado um dos maiores conhecedores de vinhos do mundo, e de repente, é acusado de ser um falsário, de fabricar vinhos na cozinha de sua casa (na California) e vender pelo preço de mercado dos grandes vinhos.
Presentes no julgamento, proprietarios e representantes de alguns vinhos falsificados: Domaines Ponsot, Roumier ou Romanée-Conti, todos da Borgonha.
Laurent Ponsot, um dos donos do Domaine Ponsot, contou no tribunal como ele tinha sido alertado em Abril de 2008.
Aconteceu 2 dias antes de um leilão em Nova York onde foram vendidas 97 garrafas do seu vinho, por preços entre 440 500 e 602 000 dólares.
Foi aí que aconteceu o grande erro de Rudy.
Ele colocou à venda os vinhos Clos Saint-Denis anos 45 e 49.
O problema é que este vinho começou a ser produzido em 1982.
Imediatamente a casa de leilões foi avisada e o leilão cancelado.
Na sala do julgamento, diversas garrafas estavam expostas e facilmente identificadas como falsas pelos rótulos e cápsulas.
Também tinha um Clos de la Roche 1929, que só começou a ser vendido na colheita de 1930.
Outros erros grotescos apareceram em rótulos dos anos 50 com assinatura do avô de Laurent Ponsot no lugar da do seu pai.
A capsula dourada também não era a verdadeira.
Ele contou que almoçou uma vez com Kurniawan para perguntar de onde vinham as garrafas. 
Ele apenas olhava para o prato e dizia que comprava no mercado.
Laurent Roumier, do Domaine Roumier também encontrou falsificações grotescas.
Um Bonne Mares, outro grand cru da Bourgogne, de 1923.
Um ano antes da vinícola ser criada.
A terceira testemunha foi Aubert de Villaine, do domaine de la Romanée-Conti.
ele foi convidado a ver rótulos de 1899 e 1906, que estavam na casa de Kurniawan.
Eram tantos rótulos que não existem mais em nenhuma parte, que ele ficou impressionado.
Nunca tinha colocado as mãos em vinhos verdadeiros daquelas datas.
Começou a rir no tribunal.
Rudy Kurniawan pode pegar 40 anos de prisão.

0 comentários:

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | hospedagem ilimitada gratis