Noticias, Entrevistas, Informações, Opinião
Tudo sobre o mundo do vinho!

domingo, agosto 03, 2014

Héritier de Guilhem 2010 - AOC Malepère - Um raro e maravilhoso vinho orgânico do Languedoc Roussillon




A AOC Malepère é bastante diferente das outras AOCs do Languedoc. O nome vem de uma pedra que se quebra bem fácil e os vinhedos não são das variedades típicas do Languedoc, são de Merlot, Cabernet, Malbec...
A família Guilhem produz vinhos desde 1878.
Como produzia vinhos com variedades de fora, houve uma época em que tinha dificuldade em vendê-los.
Virou um sucesso depois que caiu nas mãos do Bertrand.
Eu visitei os vinhedos que edificaram os caminhos da família, em 2012.
Em 2013 convidei o Bertrand para o Encontro de Vinhos de São Paulo e ele mostrou seus vinhos aqui.
Reveja as duas reportagens que fiz com ele em 2012. Vale a pena!





Esse é um corte de Cabernet Sauvignon e Merlot.
A cor é bem escura, vermelho púrpura.
No nariz boa intensidade aromática, limpo.
Notas de cassis, mirtilo, cereja e alcaçuz.
É novo e complexo, deve evoluir muito nos aromas.
Na boca é encorpado, bastante concentração, bom equilíbrio, taninos finos com textura aveludada, boa acidez e equilíbrio.
O final é longo.
Tem 14% de álcool.
Na garrafa está escrito em Latim: In Vinea Mea Turim Aedificavi - Nas minhas vinhas edifiquei meus caminhos.
Nota: 92/100

0 comentários:

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | hospedagem ilimitada gratis