Noticias, Entrevistas, Informações, Opinião
Tudo sobre o mundo do vinho!

quarta-feira, dezembro 10, 2014

Sicilia em Parigi , pode ser? - por: Bruno Airaghi

                                    



Em noite de caos no transito em SP, nada de novo até aí, Italys Wine recebeu no Parigi público de enófilos/jornalistas para um jantar com degustação de vinhos da Sicilia.
Apesar do transito, nosso inseparável problema, houve uma boa presença, ao redor de 30 pessoas que puderam apreciar os vinhos desta Ilha que atualmente desperta a curiosidade pela sua gastronomia , que vai alédo cannoli e capponata, passa pelas paisagens e claro seus vinhos, ora de montanha ora ao nível do mar.
Patrí e Vasari junto com Alessandro de Blasi nos recepcionaram e abrindo logo o serviço contaram um pouco dos rótulos
e das vinícolas.
Primeiramente um branco IGP  Solitario Bianco, uva Inzolia, 2013 (R$50,00).
Ressaltando o frescor, notas florais e um agradável toque de pêssego, harmônico, persistente.
Indicado para o antepasto e como aperitivo, se possível com um olhar  preguiçoso mas fixo em Taormina e seu por do Sol.
Seu irmãSolitario Nero tinto- é um Nero DAvola, 2011 (R$50,00) oriundo do Comune di Butera (centro sul da Ilha).
Cor viva, intensa com reflexos violáceos. Aroma de frutas vermelhas, cereja, geleia.
Na boca taninos macios, elegantes um vinho descomplicado gostoso de beber, com graduação de 13,5%.
Foi bem com o Baccalá de Mantecato (bacalhau,alho poró e azeite extra virgem).
Em seguida, tomou a frente da plateia Sr. Vasari da Azienda Agricola do mesmo nome. 
Um produtor vivido e que representa a 7ª geração da casa produtora.
Rosso Sicilia IGT – Principe Siciliano 2008, Nero DAvola , 13ºGL. R$50,00.
Origem: Municipio de Santa Lucia del Mela.
Elegante bouquet de fruta vermelha, ligeiramente tânico, perdendo com o tempo a fruta se transformando em uma agradavel amêndoa. 
Redondo com adequada acidez e tanicidade um vinho com personalidade, que reproduz bem a riqueza do solo siciliano.
A grande atração estava por vir... MAMERTINO, mais bem votado nas feiras realizadas pelo Beto Duarte( top Five).
Mamertino seria uva autóctone ? Remonta o nome do povo que habitou a região a Sicilia antes da era cristã.
Um dos vinhos mais antigos que se tem noticia, na verdadeé um Nero DAvola (uva ícone siciliana).
Mamertino Nero dAvola DOC,  R$100,00. 13,5% GL.
Feito em botte, não barrica, de rovere (carvalho proveniente do leste Europeu) tem no olfato notas de madeira, especiarias, frutas vermelhas com toque de cerejas. 
Boa persistência, retrogosto frutado... Um bom vinho!
Então foi oferecido o Mamertino Rosso DOC, estava se desenhando um favoritismo com este a base de 90% Nero DAvola e 10% Nocera (13,5%).
Valor R$100,00.
Vermelho rubi intenso, brilhante na boca se destaca notas elegantes de baunilha. 
Suave de acidez bem equilibrada.
Com ele acompanhei um Ravioli al Brie, bom. 
Talvez melhor com algum sugo vermelho, bolognese!
Gran finale com o Mamertino DOC Cru Timpanara Riserva 2009, R$ 200,00.
Uaauuhh!
Da região de Messina vem este belo vinho 100% Nero DAvola, detalhe: biológico como os anteriores.
Vermelho rubi com reflexos tendendo ao granada.
Aroma: aromas delicados de frutas de sabor intenso , encorpado, acidez intensa e equilibrada. 
Um vinho nobre, sem dúvida.
A seleção estava definida: Mamertino Cru , Mamertino Rosso e o branco Solitario Inzolia.
Complimenti ao organizador , produtores e ao grupo que prestigiou a noite no ... Parigi!!
Nota: representante em SP :Elizeu@multivino.com.br/ fone : 2761 7798

0 comentários:

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | hospedagem ilimitada gratis