Noticias, Entrevistas, Informações, Opinião
Tudo sobre o mundo do vinho!

sexta-feira, janeiro 15, 2016

Visitei o tradicional restaurante Shirley, no Leme.




Esse restaurante abriu as portas em 1954.
Antes da Bossa Nova invadir o Leme e Copacabana, com João Gilberto, Tom Jobim, Vinicius de Morais...
É um patrimônio do bairro.
Porque não um patrimônio da cidade do Rio de Janeiro?
É realmente tradicional, serve pratos tradicionais da cozinha espanhola com muita competência.


Logo na entrada os frutos do mar na vitrine dão um toque ibérico.
O restaurante é pequeno, simples, com paredes de madeira e garçons vestidos de branco com gravata preta, como se estivéssemos no ano de inauguração do restaurante.



Os garçons parecem funcionários antigos também.
Com tudo de bom e ruim que pode vir junto.
No meu caso o garçon só perguntou o que eu gostaria de beber depois que o prato chegou.



Só foi imediatamente desculpado pela qualidade da Paella Marinera que me serviu.
Quando se pede um prato com receita tradicional é inevitável que se compare com os outros que já comeu e no caso do restaurante Shirley, a comparação com certeza é interessante.
Paella deliciosa.
Tempero, ponto do arroz, ponto do camarão, do polvo, da lula...
Tudo no ponto certo de cozimento.


Os preços são o que se pode esperar levando em conta o valor dos ingredientes e a qualidade dos pratos.
A paella para duas pessoas custa 167 reais, no meu caso serviram meia porção, o que foi até mais do que o suficiente.
Muito bem servido.
O Shirley merece a fama e mantém a tradição.
Excelente!!!
Que venham mais 60 anos!!!

0 comentários:

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | hospedagem ilimitada gratis